.mais sobre eles

 
barraexc.gif

barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif

Aqui Coloquei

Meus Selos - Visitem-nos


barraexc.gif

.Março 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
barraexc.gif

.posts recentes

. Letra - Dançarás Comigo

. Parabéns Carlos

. Feliz Aniversário - João ...

. Qual É O Teu Excesso? - 2...

. Qual É O Teu Excesso? - 1...

. Feliz Aniversário - Duck

. Letra - Quem me dera sabe...

. O Regresso Dos Excesso 2º

barraexc.gif

barraexc.gif

.: Selo :.


barraexc.gif

.arquivos

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

barraexc.gif visitas
barraexc.gif
Sábado, 29 de Agosto de 2009

Excesso - Lágrimas De Despedida 2º

A animação é uma constante. Até no avião, Duck consegue pôr os passageiros a rir. Gonzo, ex-comissário de bordo da TAP, envergonha-se e não acha muita piada à brincadeira. Carlos parece ser o pai de todos os outros, ou não fosse ele caminheiro do escuteiros. Tem um «coração do tamanho do mundo», afirma um elemento da produção. Praticante de karaté e dança, tem o curso de Guia-Intérprete, fala japonês, inglês, francês e espanhol, além de ter aulas de canto. Recentemente, Carlos submeteu-se a uma operação ás cordas vocais, mas já está completamente restabelecido. Nos Açores, aproveitou os tempos livres para se sentar ao piano com Portugal e, juntos, fazer os primeiros acordes daquele que, asseguram, vai ser o seu próximo sucesso, num disco a lançar no ano que vem.

 

Apesar da operação de marketing que envolveu o projecto, nunca se pensou que os Excesso adquirissem o estatuto dos Backstreet Boys ou dos Boyzone a nível nacional. Agora, os cinco rapazes passam muitos dias juntos e recordam, o dia em que Portugal teve de ser rebocado por uma canoa nos mares de S. Miguel ou o choro em grupo na noite da Passagem do Ano…

 

Os Excesso são o maior fenómeno musical dos últimos anos. Enquanto a RTP prepara um documentário sobre o grupo, a «TvMais» quis conhecê-los na intimidade.

 

Pedro Dias

 

Carlos, João Portugal, Duck, Melão e Gonzo, os cinco elementos dos Excesso sagraram-se um fenómeno a que Portugal já há muito não assistia. Para além da música, os cinco amigos que se juntaram e fizeram uma banda musical acabaram também por alcançar posições de estadão entre as adolescentes que não tiveram pruridos em os encarar como uma espécie de «fenómeno Beatle» no Portugal dos anos 90. «Não gostamos de ser vistos como bonecos de plásticos», dizem-nos quando lhes perguntamos como lidam com o êxito. Aqui fica o retrato de cinco estrelas que sorriem e desviam o assunto quando se fala no número de fãs e namoradas que têm. Melão é o traquinas do grupo e não o esconde. Sobre ele, gracejam os outros: «Se fosse pelo Melão, só trabalhávamos da parte da tarde». Uma conversa a cinco, com animação na piscina por baixo do calor escaldante de Julho.

TvMais – O que vêem de melhor na fama que conseguiram alcançar?

Excesso – O reconhecimento por um trabalho que consideramos bom.

Tv+ - Gostam de ser abordados na rua?

Excesso – Gostamos de qualquer manifestação de reconhecimento que nos possam fazer. Contudo tudo tem limites, por vezes gostaríamos de poder ter mais tempo para estarmos sós.

Tv+ - A imagem de symbols agrada-vos?

Excesso – Não é esse o nosso objectivo e quando nos interpelam pensamos sempre que são pessoas que apenas gostariam de falar connosco.

Tv+ - Os Excesso também têm sido alvo de polémica…

Excesso – Normalmente as pessoas começam do zero. Nós começámos abaixo do zero… Isso irrita muita gente que depois nos põe rótulos.

Tv+ - Como o de «bonecos de plástico»…

Excesso – Quem pensa assim deve assistir a um dos nossos espectáculos para ver como trabalhamos. A única coisa que pedimos aos outros é o benefício da dúvida… Deixem-nos provar o que valemos!

Tv+ - Mas há quem pense que vocês dependem muito da máquina montada à vossa volta, que são um produto de marketing?

Excesso – Sim, mas isso não é verdade. A nossa produtora não nos impõe as coisas da maneira que as pessoas pensam. Temos muito mais autonomia do que isso.

Revista: TvMais

sinto-me: Bem...
música: Conversar
tags:
publicado por excesso às 13:38

link do post | comentar | favorito
|

.Links Amigos

 
barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif

0003whsy.jpg

barraexc.gif

Aqui Coloquei

Links Dos Meus Amigos


barraexc.gif

 
barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif barraexc.gif

Aqui Coloquei

Awards Dos Meus Amigos


barraexc.gif

.: Lembrança :.


barraexc.gif